Caso Eliza Samudio: Goleiro Bruno acusa juíza de extorquir Ingrid Oliveira

Ingrid Oliveira e Bruno

Ingrid Oliveira e Bruno

Em seu depoimento na manhã de 28.06.2011, o goleiro Bruno Fernandes, acusado de mandar matar a ex-amante Eliza Samudio, confirmou as acusações…

Veja post de 15.06.2011:
Caso Eliza Samudio: Ingrid Oliveira acusa juíza

… de que advogados e uma juíza tentaram extorquir sua noiva, a dentista Ingrid Calheiros Oliveira, para que ele fosse posto em liberdade, segundo o Diário do Grande ABC:

Ele afirmou ainda que também recebeu proposta da polícia para que pagasse R$ 2 milhões para ser inocentado no inquérito e a culpa fosse jogada apenas em cima de seu braço direito, Luiz Henrique Ferreira Romão, o Macarrão, e de um primo adolescente do atleta, já condenado a medida socioeducativa pelo crime.

Bruno e Ingrid participam, junto com os advogados Cláudio Dalledone Júnior e Patrick Berriel, de audiência da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

Bruno e  noiva Ingrid

Bruno e noiva Ingrid

O goleiro teve autorização da Justiça para deixar a Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, para ser ouvido pelos parlamentares. Ele entrou no recinto com o uniforme vermelho, de frio, da Subsecretaria de Administração Prisional (Suapi), mas sem algemas. Ele chegou a chorar duas vezes antes mesmo de começar a falar.

Leia mais clicando aqui.

Update 23.11.2011 – Leia também:
Goleiro Bruno: Separação de Dayanne e casamento com Ingrid Calheiros

~ por Tommy Beresford em junho 28, 2011.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: