Dalva e Herivelto: Últimas emoções

A minissérie ‘Dalva e Herivelto, uma canção de amor’, de autoria de Maria Adelaide Amaral e direção de núcleo de Dennis Carvalho, vai deixar saudades. As últimas cenas vão ao ar nesta sexta-feira, 08.01.2010, logo após a novela ‘Viver a Vida’:

Apesar do sucesso que fez com sua carreira solo e do apoio de seus fãs durante a batalha musical com o ex-marido Herivelto Martins (Fabio Assunção), Dalva de Oliveira (Adriana Esteves) jamais conseguiu se reerguer plenamente após a separação. Ela tentou reestabelecer sua vida amorosa e casou-se mais duas vezes, porém seu coração continuou destroçado.

O brilho de Dalva foi se apagando aos poucos, e a cantora começou a trocar os palcos pelo álcool. A situação ficou ainda pior com a chegada da bossa-nova. Os cantores que não se renderam ao gênero, entraram em declínio, com o samba-canção perdendo seu espaço. Em 1965, Dalva sofreu um acidente de carro e, entre outros traumas, ficou com uma cicatriz no rosto. Dalva passou a cantar em circos e churrascarias. O trabalho se tornou cada vez mais escasso e o dinheiro também. Em 1972, ela morreu, vítima de um câncer.

Uma estrela que brilha para sempre

Uma estrela que brilha para sempre

Herivelto Martins, por sua vez, refez sua vida ao lado de Lurdes (Maria Fernanda Cândido). O casal teve mais três filhos e o compositor passou a trabalhar em um emprego público. Quando perguntado por jornalistas sobre a morte de Dalva de Oliveira, ele declarou: “O Brasil perdeu sua maior cantora. Jamais teremos uma intérprete como ela. Dalva era amiga e mãe dos meus meninos, lamento mais do que qualquer pessoa a morte dela”.

Herivelto Marins nasceu em Engenheiro Paulo de Frontin em 30 de janeiro de 1912, e morreu no Rio de Janeiro em 17 de setembro de 1992. Dalva de Oliveira (Vicentina Paula de Oliveira) nasceu em Rio Claro no dia 05 de maio de 1917 e morreu no Rio de Janeiro em 30 de agosto de 1972.

~ por Tommy Beresford em janeiro 8, 2010.

13 Respostas to “Dalva e Herivelto: Últimas emoções”

  1. Parabéns a produção musical da minissérie. A Adriana está maravilhosa!! E a cantora Rita de Cássia, que fez a voz da Dalva, também está demais!! PARABÉNS AS DALVAS!!

  2. Amei a minissérie! Foi um presente. Os atores estavam maravilhosos!!!!
    Para mim, o Fábio Assunção é o ator mais bonito da televisão. Estou muito feliz por sua recuperação.
    Parabéns a todos!

  3. maravilhoso, toda reconstituição de época, perfeito ,
    PARABÉNS AO DIRETOR , ELENCO E TODA PARTE TÉCNICA,. TODO ESSE RESGATE DAS GRANDES CANTORAS, É GRANDE IMPORTÂNCIA A TODO BRASILEIRO. CONHECER SUA HISTÓRIA É DE GRANDE VALOR CULTURAL.

  4. ADOREI A MINISSERIE ‘DALVA E HERIVELTON , UMA CANÇAO DE AMOR’.; FOI MTO EMOCIONANTE O ULTIMO CAPITULO E O Q PERCEBI PELA CURTA HISTORIA ÉQ ACIMA DE TUDO A DALVA TINHA UM CORAÇAO ENORME, CAPAZ DE PERDOAR ERA UMA PESSOA MTO HUMILDE E SIMPLES Q AMAVA SEUS FÃS E SUA FAMILA . ADRIANA ESTEVES E FABIO ASSNÇAO ESTAO DE PARABENS.

  5. Eu chorei . Eu sou poeta, e o coração de uma pessoa que escreve poesias, letras de músicas, em fim, não aguenta esse tipo de emoção não. Francamente esses seriados que a Globo faz, e esse teve como diretor Denis Carvalho e Escrito por Maria Adelaide Amaral, foi de se tirar o chapéu.
    Os atores também deram um show e tanto.
    Pena que as pessoas às vezes tem a memória curta, e os bregas vendem e dão lucro no comércio das pseudo músicas.

    Pessoal, a boa música jamais morrerá.
    Sem comentários.

  6. Eu também gostei muito da minisserie…muito linda. A rodução, direção e atuaçào dos actores foi genial..Prabéns

  7. Adorei a monisserie!!! pena que nao assisti o ultimo capitulo…

  8. Eu amei … foi lindo , super interessante . NAo conhecia a historia. Simplismente adoreii

  9. amei eme apaixonei por esta serie parabens

  10. a serie cançao de amor foi muito lindo me apaixonei

  11. A globo quando propõe a produzir uma obra prima contra balança as bobagens que a programação exibe (BBB por exemplo).A minisérrie Dalva e Herivelto é um presente a cultura brasileira, cresci esculando Nelso Gonçalves, que meu pai era fã, não entendia tanto sofrimento, tanto amor, minha mãe dizia, filha naquela época existia música e não essas barulheiras de hoje. Com a minissérie entendi tudo, pena que foi só uma semana, então pesquisei o assunto, li a biográfia de Pery Ribeiro, fui ao lançamento do livro de Yançã, fui no centro espirita em Realengo.Dalva e Herivelto são heróis nacionais, não cabe ninguém julgá-los.Por favor lancem o CD da miniserrie, quero ensinar as meus filhos o que é boa música, com poesia e não uma repetição de refrão de hoje em dia.

  12. Parabéns Fábio Assunção, fazer papel de um galã é fácil, mas interpretar um boêmio, um dos maiores compositores nacionais, uma personalidade carioca, uma pai de familia a moda antiga em 05 capitulos, somente um artista talentoso que leva seu trabalho a sério como você, parabéns, estou apaixonada pelo Herivelto. Beijos

  13. Dalva de Oliveira foi precursoras das mulheres brasileiras no sentido de “trabalhar fora de casa”, ser divorsiada, ser mulher numa sociedade machista, não podemos julgá-la aos olhos de hoje em que não sentimos os pesos dessas escolhas, por que teve quem fosse pioneira e sofreu na pele preconceitos antes para podermos sermos respeitadas hoje, a Dalva, a classe artistica devem as conquistas, a nós mulheres o exemplo a ser seguido.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: